#004 Aventuras pela Floresta

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

#004 Aventuras pela Floresta

Mensagem por Mitsuyo em Qui Jul 30, 2015 7:13 pm


AVENTURAS PELA FLORESTA
~~x~~
Tempo: Céu limpo - ar parado, fresco - Anoitecendo

Não demoramos muito para sair pelo norte de Viridian, adentrando na ROUTE 02. Olho para Rick, refletindo. Não viajamos uma distância muito grande ainda, mas parecia que haviamos passado muito mais tempo juntos, apesar de ainda sermos pratiamente estranhos um para o outro.

Assim, enquanto caminhávamos pela trilha, eu à frente, me viro e começo a andar de costas, as mãos para trás, tentando passar um ar meio jovial e desinteressado, como se quisesse apenas passar o tempo, e falo:

- Mas então... me conte alguma história da sua infância. Queria saber mais sobre você.

Me mantive sorrindo e reverbando o mantra, em minha mente, de que não estava interessado, que estava confiante e que estava apenas agindo naturalmente, não tendo do que me envergonhar, o que conseguiu me livrar de ficar vermelho. No entanto o efeito foi meio diferente no rapaz, que ficou um pouco corado.

- Huum... ok. Deixe-me pensar. - respondeu ele, e pôs-se a refletir.

Continuamos andando enquanto ele pensava em alguma história sua para me contar, sempre seguindo para o norte, na direção que sabiamos estar a Viridian Forest.

off.: eu não pensei em nada para a história que ele possa contar. se quiser pensar em algo, sinta-se a vontade. xD
mas, também, deixei sua deixa para que aconteça alguma coisa que interrompa a conversa e tals. mas seria legal tu inventar alguma coisa, nem que fosse pra ele contar depois. xD
mih <3

All Rights Reserved for Larissa
avatar
Mitsuyo
Administrador
Administrador

Mensagens : 683
Poké Points : 4356
Idade : 23
Localização : Viridian Forest

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: #004 Aventuras pela Floresta

Mensagem por Zero em Sex Jul 31, 2015 11:28 am

Narração
Clima: Ar parado, fresco. | Post: 01.
19:30 PM

E então, era vez de passarem pela Rota 02, que abrigaava a Viridian Forest. Ambos pareciam estar em jornada há tanto tempo... A convivência da dupla era boa, Rick sempre bastante compreensivo entendia a vontade que Mitsuyo tinha de explorar e por isso não questionou muito sobre ir pela Rota 22, afinal, ele devia uma ao ruivo.

Foi então que o criador lançou-lhe uma pergunta sobre alguma história de sua infância.

— Hum... Bem... Eu costumava brincar com alguns Pokémon nas rotas ao lado de Celadon, onde eu nasci. Minha mãe nunca gostou, ela preferia que eu ficasse em casa como sempre. Já meu pai, eu não cheguei a conhecê-lo. Uma pausa. Continuaram andando pela mata, agora alguns olhinhos apareciam em meio a escuridão, tal como alguns vultos pela mata ao redor.

O loiro parecia bem concentrado contando aquilo, provavelmente não encontrava alguém assim pra conversar há muito tempo. O silêncio reinou no local até que ele continuasse seus relatos.

— Uma vez eu fugi de casa, e minha mãe acionou praticamente toda a polícia de Celadon pra ir atrás de mim. Ele sorriu.

Aquele sorriso dele, meio torto, mas... Diferente? Era algo que Mitsuyo tinha dele como marca registrada, os dentes brancos como marfim, os lábios rosados e delicadinhos, eram tão...

Puft!

— Por Arceus! Você está bem, Mit? O ruivo tinha tropeçado em algo, perdeu tanto tempo fitando a boca de Rick que mal notou em onde estava pisando. Acontece que, logo depois de cair, aquela... coisa passou a se mexer, saindo de seus pés e saltitando com uma feição bem enfurecida... Se é que aquilo poderia ser chamado de feição.

Era uma criatura estranha, sem braços ou pernas, completamente esverdeada e parecia ter um corpo tão duro quanto pedra num formato pouco curvado logo no meio. Por estar de noite, os Pokémon que decidiam passear pela Rota não eram lá muito amigáveis como os que apareceriam pela manhã. A criatura esverdeada parecia tão convencida em brigar com Mitsuyo que nem levava o seu tamanho em consideração.

Oier <3
Você disse que está anoitecendo, mas meio que já anoiteceu :/ Espero que não tenha problemas com isso, visto que sua Rota em Viridian consta 19:16 PM na minha última narração lá, então eu considerei que vocês caminharam até a Rota 02 num intervalo de 14 mins ou algo em volta disso.

att @ sa!




avatar
Zero
Fundador
Fundador

Mensagens : 4221
Poké Points : 11605
Idade : 18

Ver perfil do usuário http://pkeliterpg.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: #004 Aventuras pela Floresta

Mensagem por Mitsuyo em Sab Ago 01, 2015 3:45 pm


AVENTURAS PELA FLORESTA
~~x~~
Tempo: Céu limpo - ar parado, fresco - Noite

Ouvia enquanto o rapaz contava sua história. Apesar de nunca ter conhecido o pai, parecia ter tido uma infância feliz, mesmo que na época não reconhecesse. Não sei como era o tipo de tratamento que a mãe tinha com ele mas, pelo que ele disse, parecia ser bastante preocupada, e pecava com isso, tentando monopolizar o filho, sem deixá-lo seguir seu caminho. Acho que isso era conhecido como exceço de zelo.

Minha mãe também tivera muito disso, tanto que conseguiu me impedir várias vezes de sair em uma jornada, até agora. No entanto, como uma pesquisadora, sempre apoiara muito minha relação com pokémons, o que, devo dizer, fez de mim quem sou hoje.

Enquanto ouvia sia história e refletia comigo mesmo no que ela o teria influenciado para ser quem é hoje, cabri tropeçando em algo duro como pedra. Acho que é isso que se ganha ao andar de costas e olhando tão atentamente para aquele sorriso lindo, não é?

Ai, fazer o que? É dificil manter a concentração no chão o tempo todo quando se viaja com um homem lindo daqueles. Não é a toa que às vezes acabei me excedendo um pouco... Porque acabei lembrando do incidente coma quela garota emogótica? Ah, não sei. Deixemos isso para lá.

Assim que me levantei, me deparei com um pokémon verde e rígido, no qual provavelmente eu teria tropeçado. Se eu tinha culpa por não olhar onde ando, ele tinha por ficar no meio da trilha da rota, onde vários treinadores passavam, já que era o único caminho para a proxima cidade.

Aquele pokémon parecia meio zangado, com cara de poucos amigos, de forma que ao mesmo tempo em que sacava minha PokéDex e a ativava para identificá-lo, também lançava a pokéball de Simba, liberando-o para uma eventual batalha, caso aquele pokémon avançasse em algum de nós.

All Rights Reserved for Larissa
avatar
Mitsuyo
Administrador
Administrador

Mensagens : 683
Poké Points : 4356
Idade : 23
Localização : Viridian Forest

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: #004 Aventuras pela Floresta

Mensagem por Zero em Sab Ago 01, 2015 4:53 pm

Narração
Clima: Ar parado, fresco. | Post: 02.
19:33 PM

Interessante que, assim que o Litleo — Simba — fora liberado, aquele Pokémon esverdeado tremeu-se todo e saltitou para longe... Pena que tropeçou em um galho seco e caiu no chão desajeitadamente. Ele não era tão durão assim afinal, não é mesmo?


Metapod
"The shell covering this Pokémon's body is as hard as an iron slab. Metapod does not move very much. It stays still because it is preparing its soft innards for evolution inside the hard shell."

Metapod, então era esse o nome da criatura. Simba curiosamente encarou aquela cena com pena: era esse oponente que ele teria de enfrentar? Não estava lá muito contente com aquilo, mas se era o que Mitsuyo desejava.

— Parece que ele está querendo fugir... Disse Rick, chamando a atenção do Criador.

O que era verdade, pois a criaturinha saltitava naquela estrada de terra batida, correndo pra mata. Um covarde?

att @ sa!




avatar
Zero
Fundador
Fundador

Mensagens : 4221
Poké Points : 11605
Idade : 18

Ver perfil do usuário http://pkeliterpg.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: #004 Aventuras pela Floresta

Mensagem por Mitsuyo em Sab Ago 01, 2015 8:49 pm


AVENTURAS PELA FLORESTA
~~x~~
Tempo: Céu limpo - ar parado, fresco - Noite

No fim, ao ver meu pokémon, aquele Metapod simplesmente saiu correndo de medo. Aquela bravura toda que apresentara quando tentou me ameaçar simplesmente ruiu completamente. Fazer o que?

- É, parece que botou mesmo medo nele, heim, grandão. - Digo, sorrindo para Simba. Bem, vamos continuar, então... acho que seria minha vez de falar algo da minha infância, né?.

"Meus pais sempre foram pesquisadores pokémon, então sempre tive bastante contato com pokémons de todos os tipos.

Como eles trabalhavam bastante, eu passava muito tempo sozinho com os pokémons, então meio que criei muita afinidade com eles.

Tínhamos um vizinho que tinha um filho mais ou menos um ano mais novo do que eu. Ele era meio tímido. Um verdadeiro chorão. Era atrapalhado, tropeçava, caía, chorava. Tinha medo dos pokémons, também. Lembro que sempre que um pokémon um pouco maior se aproximava, ele se escondia atrás de mim, choramingando.

O pai dele era meio doente, então eles não tinham pokémons em casa. Apesar do medo que ele tinha, ele amava pokémons, por isso ia todo o dia brincar comigo.

Uma vez, fomos passear pelo bosque que havia perto de casa. Estávamos brincando com alguns Shinx e, quando nos demos conta, o tempo fechou completamente e começou um temporal. Ventava muito, e ele ficou com medo dos trovôes.

Minha mãe sempre me dizia para não levá-lo muito longe, porque ele tinha medo e depois ia chorando pra casa, então fiquei com receio de ela me dar uma bronca daquelas, então disse pra ele que tava tudo bem e começamos a voltar. Não me surpreendi quando ele se agarrou na minha camisa, pra não me perder de vista, como ele sempre fazia quanod estava com medo, o que era bem comum.

No caminho de volta, enquanto tropeçávamos nos pés um do outro, ouvimos um choro de pokémon e fomos ver do que se tratava. Demoramos um pouco para encontrar a origem do som, mas, escondido em um buraco debaixo de um tronco de uma árvore caída, estava um pequenino absol com um feio ferimento no olho esquerdo, além de vários outros ferimentos menores pelo corpo todo.

Não sabíamos o que teria acontecido com ele mas, molhado e ferido daquele jeito, seria perigoso deixá-lo ali, então o levâmos para minha casa.

Ele era realmente bem pequeno e... meu amigo, ele fez questão de levá-lo. Acho que foi o primeiro pokémon que ele não sentiu medo ou receio algum, logo de cara. Ele estava realmente preocupado.

Bem, quando chegamos em casa, levei aquela bronca da minha mãe, mas, pelo menos, ela ficou distraída cuidando do pequenino Absol, o que amenisou as coisas para mim.

Depois que ele se recuperou, acabou ficando com meu amigo. Foi meio dificil convencer o pai dele, mas, no final, deu tudo certo."


Continuamos a caminhar, enquanto eu falava, ainda com Midori em meus ombros e Simba ao nosso lado, ambos ouvindo atentamente minha história.

Eu havia... rezumido... algumas coisas, principalmente pelo fato de que queria contar aquele caso especificamente, mas precisava fazer uma pequena introdução para chegar nele, e não pretendia me aprofundar muito naquela introdução.

All Rights Reserved for Larissa
avatar
Mitsuyo
Administrador
Administrador

Mensagens : 683
Poké Points : 4356
Idade : 23
Localização : Viridian Forest

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: #004 Aventuras pela Floresta

Mensagem por Zero em Dom Ago 02, 2015 6:51 pm

Narração
Clima: Ar parado, fresco. | Post: 03.
19:36 PM

Simba se sentiu um verdadeiro gladiador ao ter feito seu oponente sair correndo pela mata. Mitsuyo só fez mais foi inflar seu ego, coisa que o leãozinho gostou e então fez uma leve jogada com os fiapos de sua "juba". Rick achou a ação um tanto engraçada e deu um sorrisinho... E aliás, que sorriso; sorte que dessa vez Mitsuyo estava mais ocupado dando atenção ao seu Pokémon.

Enquanto voltavam a caminhar pelo caminho de terra batida da rota, o criador contava uma história de sua infância. O loiro pareceu não gostar muito a princípio, chegou até a sentir uma pontada de... Ciúmes? Vai saber. Acontece que, no final da história, pôde notar algo diferente em Mitsuyo, como se ele estivesse muito pensativo, além do normal.

— Err... Então, qual o nome do seu amigo? Tentando esconder a tensão que ficou no ar, Rick puxou um outro assunto, mas ainda bem curioso pra saber sobre aquele amigo de infância do ruivo.

Acontece que, Midori interrompeu ambos pulando num galho de árvore mais ao lado e pegando uma esfera de metal bicolor com alguns detalhes na parte superior. Pegou com as suas patinhas e saltou novamente até o ombro de Mitsuyo, lhe entregando o item, este logo reconheceu o item como sendo uma Great Ball e a guardou em seus pertences.

Obteve uma Great Ball.

Primeiro Evento concluído.

— Mas se você achar que não tenho nada a ver com isso... Coçou a nuca enquanto dizia, um pouco encabulado.

att @ sa!




avatar
Zero
Fundador
Fundador

Mensagens : 4221
Poké Points : 11605
Idade : 18

Ver perfil do usuário http://pkeliterpg.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: #004 Aventuras pela Floresta

Mensagem por Mitsuyo em Dom Ago 02, 2015 10:03 pm


AVENTURAS PELA FLORESTA
~~x~~
Tempo: Céu limpo - ar parado, fresco - Noite

Mesmo nosso adversário tendo fugido, acabei sendo presenteado com uma Great Ball, a qual rapidamente guardei na mochila. Quem sabe quando poderia me ser util?

Assim que fechei o ziper, Rick retomou o assunto, interpretando o silêncio que eu mantivera até agora de sua forma. Depois de alguns momentos em silêncio, já tendo voltado a andar, com um sorriso um pouco tranquilizador e cansado, lhe respondo.

- Nah, tudo bem. Não tem problema falar sobre isso, faz tanto tempo. O nome dele era Nate.

Sem pensar muito, disse "era", no passado, o que me fez refletir um pouco e ficar meio melancólico. Fiquei imaginando se ele se daria conta de que aquele "era" não se tratava apenas do passado...

- Olha só, acho que chegamos na Viridian Forest. - digo, iterrompendo o silêncio e tentando montar um sorriso no rosto.

Havíamos chego em uma parte em que a trilha praticamente se perdia em meio à vegetação, que começava a mudar, apresentando um tom avermelhado. Pelo que eu ouvira, essa era a Viridian Forest, que se encontrava bem no meio da route 02.

All Rights Reserved for Larissa
avatar
Mitsuyo
Administrador
Administrador

Mensagens : 683
Poké Points : 4356
Idade : 23
Localização : Viridian Forest

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: #004 Aventuras pela Floresta

Mensagem por Zero em Dom Ago 02, 2015 10:07 pm

Narração
Clima: Ar parado, fresco. | Post: 04.
19:39 PM

Aquele "era" só serviu pra confundir ainda mais a cabeça do loiro, mas ainda que o clima de tensão insistisse em prevalecer, o ruivo deu seu melhor sorriso e seguiram juntos pela floresta avermelhada...

Bloqueado.

att @ sa!




avatar
Zero
Fundador
Fundador

Mensagens : 4221
Poké Points : 11605
Idade : 18

Ver perfil do usuário http://pkeliterpg.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: #004 Aventuras pela Floresta

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum